#Comunicação – Catfish: além dos relacionamentos online

catfish-1024x505

Em 2010 o cineasta Nev Schulman descobriu que a mulher de 20 e poucos anos a qual ele tinha um relacionamento online não era tão honesta assim quanto a descrição dela. A partir desse ponto ele começa uma investigação e descobre que na verdade ela possui 40 anos.

CATFISH41

Documentado esse fato, surgiu o termo catfish (na tradução literal “peixe-gato”), no qual pessoas se passam por outras personalidades no universo online.

Derivado desse documentário surgiu o programa Catfish na MTV, onde o mesmo cineasta trabalha com seu amigo Max Joseph, descobrindo casos similares aos que ele passou. Se um indivíduo desconfia que está sendo enganado, ele entra em contato com a produção do programa que inicia uma investigação.

O reality show é transmitido pela MTV Brasil e encontra-se na terceira temporada.

Mas qual a relação do reality Catfish com o assunto que vamos abordar hoje? Vamos analisar a utilização de perfis fakes nas redes sociais como estratégia de comunicação.

Catfish no mundo dos negócios e politica

Todo mundo já ouviu histórias de perfis em redes sociais que existem para promover ou desconstruir reputações e que são controlados por profissionais. Então, acredite, tudo o que vocês podem ter ouvido não é nada comparado com a realidade.

Como retratado ali em cima, sobre o reality Catfish, no mundo dos negócios e na política não é diferente, hoje existem profissionais no meio que são contratados para promover ou destruir reputações de empresas e também no mundo político.

Porém eles  são um tanto quanto sutis nas suas intervenções; não ficam agindo de forma rebelde com elogios e/ou ataques; são extremamente guiados por pesquisas comportamentais e analise da população; são intitulados de “semeadores de ideias” e assim conquistando seu objetivo de promover o que é bom sem a detecção de softwares.

Como funciona esse mercado?

Existem empresas e pessoas que atuam em duas vertentes: na principal e visível, ou seja, ele “levanta” o politico ou a marca. E de forma discreta desconstrói o discurso dos concorrentes. Ou seja, o papel dessas empresas é nada mais nada menos que tornar uma marca, um politico, mais respeitado e admirado.

Os dois grupos (de construção e desconstrução) atuam de forma independente e separados um do outro em uma campanha eleitoral. No primeiro, os perfis usados são reais, de pessoas da sua equipe. No segundo, um grupo de cinco pessoas controla meia dúzia de perfis cada, criados especialmente para isso. Esses perfis são montados de forma lenta e precisa para não parecerem fakes. Há casos em que uma pessoa, ou empresa, controla milhares de robôs, tendo o poder de influenciar as tags mais usadas e os assuntos mais comentados.

O que é real? Como você define o real?

Em  recente pesquisa realizada pela equipe do Labic (publicado na Folha de São Paulo) foi observado, por meio da  coleta de dados públicos nas redes sociais como Facebook e Twitter, a atuação de robôs e perfis falsos em vários momentos da campanha presidencial.  Levantando uma reflexão sobre a influência que esses perfis podem gerar nos indivíduos em volta daquela rede de relacionamentos.

A entrada desses falsos usuários gera um impacto negativo nos assuntos importantes,  desencadeando num mecanismo de manipulação de audiência. Esses perfis agem de modo tão pesado, que os tweets “humanos” acabam perdendo sua força diante deles,  pois eles atuam de forma massiva. E o conteúdo criado pelas pessoas vai ficando “para trás”, assim a relevância maior fica para esses tweets fakes,  gerando um buzz nos TTs da forma que o indivíduo que direciona os falsos usuários deseja.

Com essa estratégia também é possível que os robôs rebatam todos os comentários dos adversários, mostrando o ponto de vista da campanha que defendem.

Observe o gráfico a seguir para exemplificar melhor a ideia.

grafico-fb-folha

O conceito de catfish que foi aplicado para relacionamentos online, agora pode ser aplicado também na influência que eles podem ter diante de assuntos como politica e até mesmo no mercado e economia.

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s