A história por trás do sucesso do Facebook


O Facebook, hoje uma rede social “pré-adolescente” com um pouco mais de 11 anos de idade, dispensa apresentações. A maior rede social do mundo terminou 2014 com 1,39 bilhão de usuários mensais e valendo mais de US$ 150 bilhões. O que é o Facebook e a sua importância na atualidade muitos de nós já sabemos, agora o NCD vai contar um pouco da história de sucesso de Mark Zuckerberg e de seu projeto universitário que virou uma empresa bilionária. Preparados?

gif-mark-zuckerberg

Facemash

O antecessor do Facebook, um site chamado Facemash, foi criado por Mark Zuckerberg em parceria com seus amigos Eduardo Saverin, Chris Hughes e Dustin Moskovitz. Lançado em 28 de outubro de 2003, o site foi programado para ser um jogo entre os estudantes de Harvard onde eram mostradas fotos de dois estudantes lado a lado e os visitantes deveriam escolher o mais atraente. Zuckerberg precisou hackear o sistema de segurança da rede de Harvard para conseguir as imagens.

O site foi um sucesso imediato, nas primeiras 4 horas de funcionamento foram 450 visitas e 22.000 visualizações de fotos. Alguns dias após seu lançamento, o site foi fechado por executivos de Harvard e Mark Zuckerberg sofreu acusações de violação de Copyright, quebra de segurança e do direito à privacidade. Posteriormente Mark foi expulso da universidade, mas absolvido das acusações.  Deu continuidade ao projeto para um trabalho final de história da arte e recebeu a maior nota que a professora já havia dado para um projeto final. Em outubro de 2010 o Facemash foi leiloado por $30.201 dólares.

Scumbag-Mark-Zuckerberg

Thefacebook.com

Logo após leiloar o Facemash, Zuckerberg começou a trabalhar em um novo site, o “thefacebook”. O “thefacebook” tinha por objetivo ser um website universal para conectar pessoas de toda universidade de Harvard. Em janeiro de 2004 ele começou a escrever o código para o novo projeto e em entrevista declarou que havia se inspirado no seu projeto anterior. No mês seguinte, em 4 de fevereiro de 2004 foi lançando o “thefacebook.com”, mais uma vez o sucesso foi imediato e dentro de 24 horas já haviam entre 1200 e 1500 usuários registrados. Mark Zuckerberg foi acusado, após 6 dias de funcionamento do site, de ter enganado 3 sêniors de Harvard para construir o seu site.

A utilização do site inicialmente era restrita aos estudantes da universidade e no primeiro mês mais da metade deles já haviam se cadastrado. Foi nessa etapa que Zuckerberg contou com mais pessoas em sua equipe para ajudar a promover o projeto. Desde então o “thefacebook” começou a se expandir, inicialmente para as universidades de Stanford, Columbia e Yale. Aos poucos chego à maioria das universidades dos Estados Unidos e Canadá. Seguindo os conselhos de Sean Parker, o presidente da companhia, o “thefacebook” passou a se chamar “facebook” e em 2005 o domínio “facebook.com” foi comprado por $200.000 dólares.

Facebook

O Facebook continuou se expandindo para as universidades ao redor do mundo, chegando ao Reino Unido, Porto Rico, Austrália, Nova Zelândia e Irlanda. Em setembro de 2005 foi lançada uma versão colegial, onde era necessário um convite para entrar. Foi em 26 de setembro de 2006 que o Facebook abriu para qualquer pessoa acima de 13 anos que possuísse um e-mail válido. A capital da Irlanda foi escolhida, em outubro de 2008, para abrigar a sede internacional do Facebook. No ano de 2011 o Facebook se tornou o maior servidor de fotos online e em outubro desse ano mais de 350 milhões de usuários acessaram o facebook utilizando seus smartphones.

Segundo matéria do Estadão, em outubro de 2014 o Facebook já contava com 1,35 bilhão de usuários no mundo. Desse total de usuários, 1,12 bilhão acessam a rede social através de seus celulares. No momento a empresa contava com 864 milhões de usuários ativos por mês, obteve um lucro líquido no terceiro trimestre de 2014 de $ 1,149 bilhão de dólares. A receita com publicidade chegou a $ 2,96 bilhões de dólares também no terceiro trimestre. Em 4 de maio de 2015, às 16:37, a quantidade de usuários ativos no Facebook é de aproximadamente 1,4 bilhão segundo o site Internet Live Stats.

Ao longo do tempo o Facebook adquiriu diversas empresas, em setembro de 2009 comprou um agregador de mídias sociais chamado FriendFeed. Em 2010 foi a vez de comprar uma startup malaia de importação de contatos, também em 2010 adquiriu um serviço de compartilhamento de fotos chamado DivvyShot. Já em abril de 2012 foi a vez de comprar o instagram por aproximadamente US$ 1 bilhão. Em outubro de 2014 a empresa oficializa a maior compra de sua história, comprou o aplicativo de mensagens WhatsApp por aproximadamente US$ 22 bilhões.

tumblr_mqf3t4Burc1re9woeo1_500

É interessante saber como algo que começou meio que como uma brincadeira de garoto ganhou ares tão grandiosos, a influência do Facebook no mundo é praticamente imensurável. Resta saber até quando reinará essa soberania do Facebook entre as redes sociais. Nós aqui do NCD vamos acompanhar os próximos episódios e contaremos pra vocês nos próximos posts. Fiquem de olho!

Referências:

http://olhardigital.uol.com.br/pro/noticia/acoes-do-facebook-disparam-e-empresa-ja-vale-mais-de-us-150-bilhoes/40042

http://www.internetlivestats.com/

http://pt.wikipedia.org/wiki/Hist%C3%B3ria_do_Facebook

http://www.cbnfoz.com.br/editorial/mundo/noticias/04022014-88984-facebook-a-maior-rede-social-do-mundo-completa-10-anos-hoje

http://g1.globo.com/economia/negocios/noticia/2015/01/receita-do-facebook-cresce-49-no-quarto-trimestre-de-2014.html

http://blogs.estadao.com.br/link/facebook-chega-a-135-bilhao-de-usuarios-no-mundo/

http://oglobo.globo.com/economia/facebook-oficializa-compra-do-whatsapp-por-us-218-bilhoes-14157940

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s